Princípios:
Educar para autonomia e
democracia

Queremos que o aluno Experimental seja protagonista de sua história, sendo capaz de fazer escolhas pautadas em princípios éticos que possibilitem a criação de espaços democráticos onde o exercício contínuo do diálogo possibilite o encontro de ideias novas, críticas e criativas. No ambiente escolar é preciso construir espaços para resolução de conflitos pessoais e do grupo, partindo sempre de uma relação mediada pelo diálogo entre os estudantes e também entre estes e os educadores, exercitando assim o respeito mútuo e a reciprocidade, condições fundamentais para a construção da autonomia. Essa relação deve ser sempre pautada em princípios que tenham como valores a justiça, a solidariedade, a responsabilidade, a verdade e o respeito. Acreditamos que estes valores são instrumentos que contribuem para a construção de uma identidade autônoma, criativa e solidária, tornando os alunos capazes de responsabilizarem-se pelas suas escolhas, conhecendo a si mesmos para que possam conhecer e respeitar o grupo e os espaços de convivência.

Princípios de convivência
gerais da Experimental:
  • Justiça
  • Diálogo
  • Solidariedade
  • Responsabilidade
  • Reciprocidade
  • Respeito a si e ao outro
princípios